6 coisas que podemos aprender com as Olimpíadas

6 coisas que podemos aprender com as Olimpíadas

As Olimpíadas e as paralimpíadas de Londres já acabaram, contudo podemos absorver alguns aprendizados com este importante evento esportivo.

 

Veja abaixo alguns comparativos entre a superação e a conquista das delegações e como tais esforços, ações e investimentos podem ser refletidos no sucesso de seu empreendimento virtual:

 

1. Investimento. Os EUA e a China estão sempre nas primeiras colocações na relação do quadro de medalhas em qualquer Olimpíada. Isso é reflexo do investimento que os esportes olímpicos recebem nesses países. Podemos aprender nessa situação que investir na loja virtual é um dos passos fundamentais para o sucesso do negócio. Invista em seu e-commerce!;

 

2. Destaque. Os melhores atletas estão sempre destacados nas competições e sempre há uma atenção maior voltada para eles. Nessa situação, podemos entender que na loja virtual é preciso conquistar destaque através do desempenho nas negociações. Assim, com a satisfação do consumidor, mais visibilidade e mais procurada esta loja virtual será;

 

3. Pontos fortes. Para conquistar medalhas, todos os atletas põem em ação seus pontos fortes: seja força, estratégia, tática, garra, etc. No mercado virtual não é diferente, o lojista deve explorar seus pontos fortes: atendimento, logística, pós-venda, etc;

 

4. Objetivo. O grande foco de um atleta nas Olimpíadas é conquistar medalhas. No e-commerce o objetivo encontra-se em conquistar clientes e finalizar inúmeras negociações. Por isso, assim como o atleta não pode perder seu alvo de ser medalhista, a empresa não pode perder o objetivo de ser referência no e-commerce;

 

5. Não estagne. Para um atleta olímpico, um treino, uma novidade, um golpe, fazem toda a diferença no resultado da competição. Para uma loja virtual esta visão deve ser a mesma: uma inovação, uma aplicação, um investimento, uma nova ação, devem ser vistas como ferramentas de sucesso e de grandes resultados em cada negociação;

 

6. Profissionalismo. Quando se tem um propósito a ser alcançado, o profissionalismo entra em cena e se estabelece. Prova disso são os competidores olímpicos que se superam a cada evento esportivo. Os empreendimentos virtuais também devem adotar esse raciocínio, aplicar profissionalismo em cada passo da negociação, buscando se estabelecer no mercado virtual.

 

Sucesso!

 

Comentários