Adeque seu e-commerce ao neoconsumidor

Adeque seu e-commerce ao neoconsumidor

O conceito de neoconsumidor consolidou-se através de estudos que analisam as mudanças comportamentais dos consumidores e a maneira com que se estabelece o relacionamento cliente e tecnologia. O novo consumidor está mais digitalizado e direcionado à multicanais.

 

O perfil dos compradores online têm se modificado consideravelmente nos últimos tempos, deste modo há uma maior racionalização dos processos de aquisição virtual, sobretudo no quesito “preço” e a comparação do mesmo, segundo pesquisas realizadas pela consultoria GS&MD Gouvêa de Souza.

 

O novo consumidor está mais exigente, compara produtos minuciosamente, está mais crítico e criterioso é preciso, consequentemente, dedicar-se ao marketing de seu e-commerce, para fidelizar e diferenciar-se dos demais concorrentes diretos e indiretos.

 

Desta forma, é necessário adequar-se ao perfil do neoconsumidor para que haja uma maior interação e o não distanciamento da relação empresa e cliente. Destacamos, portanto, o comportamento de compra e as estatísticas gerais deste estudo:

 

• 52% dos neoconsumidores são homens;
• 88% têm entre 19 e 54 anos;
• 61% destes novos consumidores são da classe B;
• 23% são da classe C;
• 18% compram enquanto estão trabalhando;
• 67% realizam suas compras de casa;
• 43% dos neoconsumidores interessam-se por vestuário, calçados e acessórios em geral;
• 81% utilizam-se de sites comparadores de preço;
• 91% dos consumidores adquirem cosméticos;
• 76% dos novos compradores procuram por eletrônicos;
• 34% compram alimentos online.

 

Comentários