Como lidar com a razão do cliente?

Como lidar com a razão do cliente?

A máxima “o cliente sempre tem razão” parece voltar à nossa realidade, especialmente, porque os consumidores são o novo assunto das campanhas, estão mais exigentes e participantes do processo de negociação. Tudo é direcionado aos seus interesses.

 

Contudo, diante deste cenário, é preciso entender como lidar com a razão do cliente, especialmente diante de reclamações e requerimentos. Vamos entender um pouco mais sobre isso:

 

Clientes com razão.

Sem nenhuma dúvida, há clientes que ao reclamarem só desejam ter seus problemas resolvidos. Eles têm um motivo cabível para fazer tal reclamação, senão não o fariam. Este tipo de consumidor sempre terá razão e deverá ser ouvido, respondido e respeitado. E, claro, as questões pelas quais ele interagiu devem ser resolvidas.

 

Clientes sem razão.

Há clientes que nunca estão satisfeitos e não é porque a loja cometeu um erro. Eles simplesmente reclamam e,embora consumam, desejam que todos os seus gostos sejam feitos. Com este tipo de consumidor, é preciso ser sincero e transparente, e realizar aquilo que está ao alcance de seu e-commerce, conforme a política de serviços estabelecidas para a empresa.

 

Vale destacar, porém, que ter uma prestação de serviço de qualidade é direito do consumidor, especialmente, se foi isso que você prometeu a ele; por isso, sempre leve em consideração os feedbacks de seus clientes, mas analise-os de forma coerente, transparente e, principalmente, imparcial.

 

O meu cliente tem mesmo razão? Será que minha loja está falhando? Estou fazendo realmente o meu melhor? Lembre-se: o e-commerce, por mais tecnológico que seja, depende de pessoas; por isso, valorize o seu cliente, especialmente os que verdadeiramente têm razão.

 

Comentários