Como não sair no prejuízo com frete grátis?

Como não sair no prejuízo com frete grátis?

Disponibilizar frete grátis nas compras online se tornou o principal fator para atrair consumidores ao e-commerce em 2011. Agora, em 2012, a tendência é a mesma. Além da comodidade de comprar sem sair de casa; pagar pelo produto, sem a taxa de entrega, é uma grande jogada.

 

Para conquistar clientes, inúmeros lojistas disponibilizam frete grátis em suas lojas virtuais. No entanto, tais recursos devem ser trabalhados de forma correta e inteligente, evitando que a oportunidade de ampliar o faturamento seja transformada em gastos e prejuízos para o lojista.

 

Pensando em disponibilizar frete grátis de forma segura, pode-se estabelecer alguns princípios:

 

Períodos específicos: Para não sair no prejuízo é interessante disponibilizar frete grátis em períodos específicos, como em datas comemorativas, visando aumentar o número de clientes na loja e, consequentemente, as transações;

 

Faixa de CEP: Outra forma de trabalhar o interesse de seu cliente de maneira segura é configurar em sua loja o frete de acordo com a faixa de CEP do seu consumidor. Entende-se que se a distância for muito grande entre a central da loja virtual e o endereço de entrega, oferecer frete grátis pode não ser uma solução viável para o lojista. Veja mais informações aqui.

 

O sistema Dotstore possibilita, através do painel de controle da loja, a habilitação desta ferramenta de frete, selecionando a opção de envio em que haverá desconto ou isenção (PAC, SEDEX, etc) e escolher a faixa de CEP para a aplicação do benefício. Para mais informações, clique aqui.

 

Frete grátis por produto: Uma alternativa que também pode ser adotada para a aplicação de frete gratuito de forma inteligente é valer-se desse recurso em produtos determinados, ou seja, em itens de maior valor agregado disponibiliza-se a isenção da taxa de entrega para os estados selecionados no cadastro/edição de produtos, pelo painel de controle da loja.

 

O frete grátis é uma motivação para o cliente consumir em sua loja virtual, principalmente, em períodos festivos ou em ações isoladas, conforme campanha de marketing do empreendimento. Contudo, é preciso analisar em quais situações esse recurso pode beneficiar o negócio e planejá-lo é a melhor forma de alcançar bons resultados.

 

Sucesso!

Comentários