Como os KPIs podem ajudar seu e-commerce? – Parte II

Como os KPIs podem ajudar seu e-commerce? – Parte II

Já sabemos que os KPIs são métricas que indicam o desempenho de ações aplicadas em nossa loja virtual. São indicares de performance que nos mostram se estamos ou não no caminho correto para alcançar os objetivos planejados.

 

São muitos os KPIs disponíveis no mercado virtual, exemplificados no post “Como os KPIs podem ajudar seu e-commerce? – Parte I”. E, hoje, veremos como aplicar tais indicadores se o seu objetivo é ampliar as conversões de vendas no e-commerce.

 

Estabeleça um prazo.

Para facilitar a mensuração do resultado, determine um prazo para que sua ação seja avaliada. Só assim será possível determinar se houve progresso ou se os investimentos não renderam bons retornos.

 

KPI: vendas diárias.

Com um período estabelecido, é possível medir o desempenho de quantas vendas diárias foram realizadas, bem como valor das mesmas e as formas de pagamento escolhidas para desenvolver um comparativo.

 

KPI: tráfego na loja.

Igualmente, vale mensurar a quantidade de clientes que retornaram à loja e novos consumidores que chegarão. Destaca-se, também, quantos destes concluíram uma negociação e quantos entraram na loja e saíram sem comprar nada.

 

KPI: níveis de estoque.

Com este indicador, é interessante analisar quantos produtos há em estoque ou saíram para entrega e em que momento eles foram mais solicitados: aparecendo na home, como item recomendado, através de e-mail marketing, etc.

 

KPI: faturamento.

Uma das melhores formas de verificar se as conversões de vendas estão sendo ampliadas em sua loja virtual é analisando, dentro do período estabelecido, se o faturamento ampliou ou não.

 

Por fim, para que a performance de suas ações sejam promissoras, é preciso manter os olhos atentos aos indicadores e fixar um prazo que auxilie na mensuração do retornos. Sem tais recursos, o empreendimento acaba seguindo uma trajetória sem controle, o que sempre será prejudicial para o futuro do negócio.

 

Pense nisso, até a próxima!

Comentários