E-commerce chama a atenção de investidores anjo

E-commerce chama a atenção de investidores anjo

O e-commerce é um dos principais alvos de investidores anjos no Brasil. De acordo com uma pesquisa realizada pela organização ‘Anjos do Brasil’, o comércio eletrônico é a quarta área mais interessante para investimento, 42% da preferência. Os primeiros lugares ficaram para a área de TI, aplicativos para smartphones e a área da saúde/biotecnologia.

 

O perfil dos investidores anjo brasileiros tem predominância masculina, com 98% de homens com idade média de 44,3 anos. Ainda foi constatado que 50% do total atuam como empresários/empreendedores, enquanto 29% são executivos, 6% profissionais liberais , 2% atuam em outras atividades e 13% afirmam se dedicar apenas aos investimentos.

 

A média de investimentos por investidor anjo é de 4,1 nos próximos dois anos, aplicando em torno de R$416 mil para cada negócio. Os maiores desafios deste ‘profissional’, listados por eles, são a falta de estímulos fiscais e dificuldades de receber bons projetos.

 

Em um levantamento realizado pela mesma organização ao final de 2012, foram contabilizados mais de 6.300 investidores-anjos brasileiros. No entanto, 80% deles são receptivos, ou seja, investem apenas quando são procurados por empreendedores.

Comentários