E-commerce delicioso: cresce o consumo de alimentos via web

E-commerce delicioso: cresce o consumo de alimentos via web

A rota de expansão dos grandes empreendimentos virtuais em âmbito nacional tem mirado o consumo de alimentos via web. Sim, este segmento surgido em meados dos anos 90 apenas como serviço suplementar, passa a ser agora a aposta certeira de empreendedores brasileiros.

 

Tenhamos como base índices de 2010 e as projeções traçadas para os anos seguintes, até a data atual. Apenas no ano de 2010 supermercados que vendiam através da internet somaram cerca de R$ 1,6 bilhão! Representando naquela época 0,8% do total do setor.

 

Além disto, estima-se que ao menos 42% dos brasileiros irão comprar alimentos através da internet, nos próximos dois anos, é o que revela importante pesquisa realizada pela GS&MD.

 

O ramo alimentício e suas vertentes estão, absolutamente, em proeminência, mas há sim um segmento específico cujo consumo está “efervescente”! Isto é, o doce nicho dos chocolates! Ora, em meio a tantos chocólatras e amantes de chocolate de qualidade, uma infinidade de lojas virtuais decidiram-se por dedicar atenção especial!

 

Sabendo disto, logo nos vem à mente a questão de como sair à frente da concorrência, certo? Neste mercado tão disputado é necessário vencer através da persistência, da dedicação, do esforço contínuo, bem como da qualidade.

 

As marcas que se destacam em meio a este universo de guloseimas são inovadoras! Elas permitem que o consumidor realize inúmeras customizações, além da entrega expressa que pode ocorrer no mesmo dia, de acordo com a localização.

 

Vale ressaltar que, o público que mais consome estes produtos na web é a classe C, sendo que, em datas sazonais, tal como páscoa e natal atinge, facilmente percentuais acima de 40% do consumo total de chocolates nos e-commerces especializados.

 

Este é um promissor universo, cujos esforços podem, certamente, refletir numa experiência de compra tão doce quanto o produto adquirido! Analise e aposte, lojista!

 

Comentários