Novas apostas para o comércio eletrônico

Novas apostas para o comércio eletrônico

O comércio eletrônico cresce demasiadamente e não há sequer uma categoria de produtos que não esteja incluída nesse negócio virtual.

É possível encontrar na internet lojas virtuais de segmentos diversos, desde floricultura até produtos de luxo, como por exemplo, o iate que foi o item mais caro vendido online e a transação foi realizada pelo site eBay, um depósito de 85 milhões de dólares, conta Jason Billingsley, empresário norte-americano consultor de empresas como Google e Nike.

 

Segundo o empresário, um segmento ainda pouco explorado pelo comércio eletrônico e muito procurado pelos consumidores na internet é o mercado de viagens, com mais de 50% das vendas o que indica que há onde investir e que a possibilidade de crescimento na área é comprovada.

 

A segmentação é uma alternativa eficaz para definir o mercado em que se pretende atuar e a dica do empresário é útil, pois o turismo é um ramo que sempre terá clientes.

Comentários