Perspectivas para o e-commerce 2012

Perspectivas para o e-commerce 2012

O comércio eletrônico brasileiro continua em alta, mantendo o índice de crescimento constante e esperado pelo mercado virtual e seus empreendedores. Segundo informações e pesquisas da consultoria e-bit, o e-commerce faturou um total de R$ 18,7 bilhões em 2011.

 

Esse valor revelou um crescimento de 26% frente ao faturamento de 2010, onde o e-commerce alcançou a marca de 14,8 bilhões de reais. Além disso, o número de consumidores virtuais chegou a uma média de 32 milhões de pessoas preferindo comprar online a ir pessoalmente a lojas físicas.

 

Para este ano, a e-bit já levantou grandes perspectivas para as vendas online. Segundo a empresa de consultoria, o e-commerce brasileiro deve crescer 25% em 2012, ultrapassando os R$ 20 bilhões em faturamento anual, além da ampliação dos números de clientes virtuais.

 

O destaque para as vendas online e para os que desejam montar um empreendimento na web em 2012 é a segmentação. Trabalhar com um público específico pode render muito mais resultados satisfatórios do que tentar alcançar diversos públicos sem de fato focar e conquistar ninguém.

 

O e-commerce virtual se expande. A facilidade, a comodidade e o conforto de comprar pela internet, agregado aos inúmeros benefícios das compras online, fazem do comércio eletrônico nacional uma das mais influentes e promissoras formas de comercialização nacional.

 

Boas vendas em 2012!

Comentários