Primeiro semestre rende R$16 bilhões ao e-commerce

Primeiro semestre rende R$16 bilhões ao e-commerce

O e-commerce fechou o primeiro semestre de 2014 com um faturamento de R$16 bilhões, um aumento de 26% se comparado com o mesmo período do ano anterior. A previsão é de que até o fim do ano, as vendas virtuais alcancem R$35 milhões.

 

Esse total representará um aumento de 21%, em relação ao fechamento do ano de 2013. A expectativa é registrar cerca de 104 milhões de pedidos, conforme dados do novo WebShoppers da e-bit, 30ª edição.

 

Segundo Pedro Guasti, diretor executivo da consultora, o e-commerce está atraindo cada vez mais o consumidor brasileiro, que se mostra interessado em aproveitar os atrativos pelo e-commerce, como promoções, variedade de produtos, entrega com frete grátis, além do poder de decisão da compra pela pesquisa em diversas lojas virtuais.

 

Entre janeiro e junho, foram registrados 48,17 milhões de pedidos virtuais, com um ticket médio de R$333,40. Conforme o relatório, 25,05 milhões de consumidores fizeram compras pela web neste período, esperando um alcance de 63 milhões de consumidores únicos até dezembro.

Comentários