Recorde: Moda no e-commerce cresce 115%

Recorde: Moda no e-commerce cresce 115%

O e-commerce continua a ampliar seus recordes. Segundo dados de 2010, o segmento da moda apresentou um índice de crescimento bastante peculiar e animador. As lojas virtuais no ramo de moda conquistaram, no ano passado, um faturamento de 115% em comparação com o ano de 2009, segundo a e-bit.

 

A ampliação do faturamento deste segmento muito se deve à constante atuação feminina interessada nas vendas virtuais e na presença das redes sociais, cada vez maior no e-commerce nacional.

 

Além disso, parte do crescimento das vendas virtuais para roupas e acessórios está agregada à padronização de tamanhos e medidas propostas pela parceria de duas companhias: a Abravest (Associação Brasileira do Vestuário) e a ABNT (Associação Brasileira de Normas e Técnicas), o que diminuiu o receio de comprar o produto sem antes prová-lo.

 

O aprimoramento da política de troca, também é um dos motivos para o sucesso do desenvolvimento da moda no e-commerce. Uma vez que as mesmas estão mais seguras e mais cômodas para o cliente. Esses fatores tornaram as compras virtuais relacionadas à vestuário e acessórios muito mais atrativas aos consumidores, fortalecendo o segmento de moda e alcançando recordes de faturamento.

 

Comentários