Sebrae e e-bit prevêem 25% de crescimento no e-commerce

Sebrae e e-bit prevêem 25% de crescimento no e-commerce

Uma pesquisa realizada pelo Sebrae aponta que 52,9% das micro, pequenas e médias empresas ainda não possuem lojas virtuais, apostando apenas no comércio tradicional. Contudo, este cenário pode mudar em breve, pois a influência da web sobre lojas físicas já é inevitável.

 

Conforme o bom desempenho das vendas virtuais em 2012, arrecadando o total de 22 bilhões de reais, estima-se para 2013 um crescimento de 25% a mais no faturamento, segundo pesquisa do Sebrae realizada no mês de fevereiro.

 

Um estudo realizado Search Laboratory também mostra uma previsão otimista quanto ao crescimento previsto em consumidores virtuais onde estima-se, para o Brasil, um alcance de 93 milhões de clientes, o que simboliza 49% da população nacional.

 

Impulsionado pela retomada do crescimento econômico, a aceleração das vendas e a ascensão da classe C, o Brasil ampliando 25% de seu faturamento, pode arrecadar no fim de 2013, um total de 28 bilhões de reais, conforme a consultoria e-bit. Tudo isso prova o franco crescimento do e-commerce e suas estimativas positivas, que continuam em alta.

Comentários